Cuidados para bebês prematuros

Um dos temores da gestação é que nossos filhos nasçam prematuros, ou seja, antes do tempo. Claro, queremos que tudo corra bem, ter uma gestação saudável e que chegue aos nove meses com bastante tranquilidade. Porém, algumas vezes isso não acontece e os bebês nascem prematuros. Com isso, uma série de cuidados extras precisa ser tomada.

Cuidados com bebês prematuros

Quando o bebê nasce antes das 37 semanas de gestação, é bem possível que ele precise ficar mais algum tempo na maternidade. A criança só tem alta quando está mamando bem, se a respiração estiver regular e se conseguir manter a própria temperatura.

Já em casa, o bebê prematuro pode precisar de alguns cuidados e, algumas vezes, até certas medicações. A Fundação Instituto de Enfermagem de Ribeirão Preto (Fierp) desenvolveu uma cartilha, com o aval do Ministério da Saúde, com orientações para a sua chegada em casa, veja só:

– Visitas para bebês prematuros

Os pais podem e devem limitar o tempo e o número das visitas. É importante que pessoas que estejam resfriadas ou com algum tipo de doença, não visitem o bebê. A casa precisa ficar bem arejada. E solicite sempre aos visitantes que lavem as mãos antes de pegar o bebê e que jamais fumem ali.

– Amamentação

Os mais imaturos, que nasceram com menos tempo de gestação, normalmente têm de ser alimentados por meio de uma sonda gástrica no início, uma vez que não conseguem coordenar os movimentos de sucção, deglutição e respiração ao mesmo tempo.

Como o prematuro é mais sonolento, muitas vezes tem de ser acordado para mamar. Nesse caso, colocar a criança junto ao seio da mãe pode estimular o reflexo da procura. A princípio, se ele não conseguir sugar direito, o ideal é ordenhar o leite e oferecê-lo.

– Sono

O bebê prematuro costuma dormir mais e, por isso, a interação com os pais também é menor. Você pode estimular a criança durante o dia, colocar músicas, conversar com ela, por exemplo. Caso ela troque o dia pela noite, evite acender a luz ou fazer barulho durante as mamadas noturnas.

– Engasgos

Pelo fato de ainda estar aprendendo a mamar e respirar ao mesmo tempo, o prematuro pode engasgar com frequência. Quando isso acontecer, vire a cabeça do bebê para a lateral, o que ajuda a drenar o leite para fora. Para evitar não tenha pressa em alimentar o seu filho, fazendo-o arrotar (no colo, em pé) a cada mamada.

Author: CardosoToys

Share This Post On

Trackbacks/Pingbacks

  1. Você sabe a importância do acompanhamento médico durante a infância de seu filho? - Porque brincar faz bem - […] gestação o bebê passa por acompanhamento médico: o pré-natal. Logo após o nascimento existe a triagem neonatal e, a…

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *